Redes Sociais

Notícias

Autuori exalta Botafogo e sonha ver torcida cantando o hino como em 1995: “Aí poderei morrer tranquilo”

Publicado

em

Campeão brasileiro pelo Botafogo em 1995, Paulo Autuori nunca escondeu que só aceitou voltar a ser treinador agora para contribuir com o Glorioso nesse momento de transição para clube-empresa – a chamada Botafogo S/A, mas neste domingo, num animado bate-papo na Rádio Tupi, o comandante alvinegro deu uma bonita declaração de amor, talvez a mais forte desde que assumiu o comando da equipe, em fevereiro.

– Estou numa instituição gigante. As pessoas têm que reverenciar o que esse clube foi, é e sempre será para o futebol brasileiro. Eu não sou nada. O pouco que sou, devo a esse clube. Dentro do clube, todos somos pequenos, porque esse clube é grandioso. Se eu conseguir fazer essa torcida cantar o hino, que foi o momento que eu mais me emocionei dentro do futebol, em 1995… Sonho todos os dias em poder contribuir para que isso ocorra de novo, porque aí poderei morrer tranquilo – disse Autuori.

Bastante consciente nas suas declarações, Paulo Autuori já revelou diversas vezes que o objetivo do Botafogo no Campeonato Brasileiro é fazer uma campanha tranquila e montar uma equipe competitiva. Ele disse que vai correr todos os riscos para fazer um bom papel na série A, que começa no dia 8 de agosto.

– Só estou, nesse momento, como treinador aqui no Brasil, porque é o Botafogo, um clube no qual devo tudo na minha carreira como treinador aqui no Brasil. Embora saiba da situação que o clube passa, com o risco de disputar uma competição tão difícil como o Brasileiro, mas estou com muita confiança e pronto para correr todos os riscos. Essa instituição merece. Espero contribuir nesse momento de transição – frisou.

Fonte: Redação FogãoNET e Rádio Tupi / Foto de Capa: Vitor Silva / Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: