Redes Sociais

Notícias

“Babigol” e “MaDeus Babi”: atacante do Botafogo ganha apelidos

Publicado

em

A timidez nos bastidores contrasta com os holofotes que tem ganhado em campo. Autor dos dois últimos gols do Botafogo, o jovem Matheus Babi terá nova chance hoje (16), contra o Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro.

Já recuperado da Covid-19, Pedro Raul, que vinha sendo titular, permanecerá fora do duelo de logo mais. O volante Cícero, que também testou positivo para coronavírus, é outro que não está na lista.

Contratado pelo Alvinegro após de destacar no Campeonato Carioca atuando pelo Macaé, Matheus Babi vem aproveitando as oportunidades neste início de caminhada em General Severiano. O atacante fez a estreia em um dos amistosos com o Fluminense na preparação para a competição nacional e logo de cara deixou o dele.

No primeiro jogo do time alvinegro no Brasileiro contra o Red Bull Bragantino, na última quarta-feira, também balançou a rede e garantiu o empate fora de casa.

Apesar do jeito mais quieto, Babi vem conquistando os companheiros e já ganhou os apelidos de “Babigol” e “MaDeus Babi”. Um vídeo divulgado pela “BotafogoTV”, em que o lateral-esquerdo Victor Luis aparece incentivando o atacante antes do jogo em Bragança Paulista, ganhou as redes sociais e mostrou como o jovem já está integrado ao grupo.

Mas Babi deixa o acanhamento de lado na hora de celebrar os gols, momento em que tem feito dancinhas e ganha a companhia de outros jogadores alvinegros. Aos poucos, está se soltando e promete uma boa briga pela preferência do técnico Paulo Autuori.

“O Babi tem surpreendido muito toda a gente, no dia a dia, nos treinos. Será uma competição importante e quem ganha com isso é o Botafogo com alternativas. Isso força uma competitividade interna interessante – afirmou o treinador Paulo Autuori em recente entrevista.

Opções após ano de “seca

O Botafogo vê uma disputa pela vaga de camisa 9 depois de uma temporada em que sofreu na posição. Diego Souza, que chegou para ser a referência do setor ofensivo, não conseguiu engrenar. No meio do ano, o Alvinegro chegou a um acordo com o San Lorenzo, da Argentina, por Nicolás Blandi, mas não houve tempo hábil para o envio da documentação antes do encerramento do prazo da janela de transferência. Victor Rangel esteve no elenco, mas também não conseguiu apresentar o que era esperado.

Fonte: UOL / Foto de Capa: Vitor Silva / Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: