Redes Sociais

Notícias

Botafogo consegue efeito suspensivo após Justiça fixar multa por atrasos salariais

Publicado

em

Ministério do Trabalho alega cinco meses de atrasos e Justiça determina multa de R$ 2,5 milhões; clube vê erro da procuradoria e recorre

Após a Justiça do Trabalho determinar que o Botafogo pague R$ 2,5 milhões em multas por atrasos salariais, o clube recorreu e conseguiu um efeito suspensivo nesta quinta-feira. A ação foi movida pelo Ministério Público do Trabalho, que tem dez dias para se manifestar.

A notícia da ação movida pelo Ministério foi publicada inicialmente pelo portal “UOL” e confirmada pelo GloboEsporte.com.

Em 2013, o Ministério do Trabalho entrou com uma ação para obrigar o Botafogo a pagar os salários em dia. No ano seguinte, a Justiça fixou multa de R$ 5 mil por dia em casos de novos atrasos nos vencimentos dos funcionários.

No ano passado, o Botafogo voltou a ter salários atrasados, o que continuou a acontecer em 2020. A procuradoria do Ministério do Trabalho entendeu que o clube descumpriu a ordem judicial, alegou que houve atrasos salariais de cinco meses e pediu bloqueio de verbas do Bota.

Atualmente, o Botafogo deve parte de abril, maio e junho aos funcionários. Nesta semana, o GloboEsporte.com ouviu alguns trabalhadores do clube, que relataram dificuldades.

Fonte: Globoesporte.com / Foto de Capa: Infoesporte – Globoesporte.com


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: