Redes Sociais

Notícias

Botafogo libera Helerson e Wenderson, mas executivo coral descarta: “não são carências”

Publicado

em

Em acordo por Warley, Santa pediu quatro nomes; um foi liberado e mais dois acrescentados; Tricolor permanece conversando com Lucas Campos

Na última segunda-feira, o zagueiro Helerson e o volante Wenderson, ambos pratas da casa do Botafogo foram liberados pelo clube carioca para acertarem com o Santa Cruz. No entanto, a possível vinda de ambos, em parte da negociação pelo lateral Warley, foi descartada. Em contato com o Superesportes na manhã desta terça, o executivo de futebol tricolor, Nei Pandolfo declarou que os dois atletas oferecidos pelo Alvinegro não interessam ao clube pernambucano, bem servido de zagueiros e volantes: “não são carências nossas”.

Por outro lado, Nei Pandolfo também acrescentou que, da lista de quatro atletas pedida pelo Santa Cruz – tendo o Botafogo liberado apenas um deles para a equipe coral -, o atacante Lucas Campos interessa e vem mantendo contato com o clube. Porém, além de ter mencionado a troca de técnicos no comando do clube carioca – saída de Alberto Valentim e chegada de Paulo Autuori – como determinante para a mudança no rumo da negociação, o executivo do Tricolor adotou cautela sobre as tratativas: “não adianta ser empurrado pelo Botafogo se não existe interesse”.

“As mudanças de técnico que aconteceram no futebol do Botafogo acabaram criando algumas dificuldades.. Com o Valentim, os atletas que estavam nessa lista seriam liberados. Mas a chegada do novo treinador mudou o cenário. Agora… é importante todos estarem na mesma página. Se o atleta não quer vir, não adianta ser empurrado pelo Botafogo. Nós temos que ter o interesse. Na nossa avaliação, são posições que a gente não tem carência,  um zagueiro e um volante. Nossa principal carência é de atacante, principalmente de lado. E é o caso perfeito do Lucas, que a gente vem negociando para ter o atleta. Estamos com a expectativa de que possa avançar, mas não tem nada definido”, completou.

Entenda a situação

No último dia 07/02, a reportagem do Superesportes apurou que, na negociação envolvida pela contratação de Warley junto ao Botafogo, o clube carioca cederia atletas para o Santa Cruz. No acordo, o Alvinegro arcaria os salários de atletas emprestados para o Tricolor pela negociação com o lateral direito, tendo até dois anos para gastar R$ 1,5 milhão com os vencimentos dos jogadores.

Sendo assim, a diretoria do Tricolor fez uma lista com quatro nomes para integrarem o plantel do técnico Itamar Schülle: os volantes Gustavo Bochecha e Fernandes, o meia Marcos Vinícius e o atacante Lucas Campos. No entanto, na última segunda-feira, a reportagem entrou em contato com o integrante do comitê de futebol do Botafogo, Ricardo Rotenberg, e o dirigente revelou que, destes atletas, apenas Lucas Campos seria liberado. Além dele, mais dois nomes foram sugeridos: o zagueiro Helerson e o volante Wenderson, ambos das categorias de base.

Fonte: MG Super Esportes


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: