Redes Sociais

Colunas

Botafogo perde para o Joinville e decide o título da Liga Ouro em casa

Publicado

em

Vamos ao jogo 5! Pressionado contra a parede, o Joinville não se entregou, manteve o mando de quadra e venceu o Botafogo por 79 a 75 nesta terça-feira à noite, empatando a decisão da Liga Ouro em 2 a 2. Liderado pelos irmãos Lucas e Felipe Vezaro, o time do Sul do país jogou em casa e triunfou no Centreventos Cau Hansen lotado, levando a definição do campeão e do acesso ao Novo Basquete Brasil para a última partida, na sexta-feira, no Rio de Janeiro, às 20h, no Ginásio Oscar Zelaya. O GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real.

Grande nome do Joinville no duelo, Lucas Vezaro, o Vezarinho, veio do banco para resolver em quadra. Com Socas saindo lesionado ainda no primeiro quarto, ele entrou e não se intimidou. Terminou com 14 pontos e cinco assistências, além de dois roubos de bola e três rebotes. Seu irmão, Felipe, também meteu bolas de três importantes, e acabou o jogo 4 com 12 pontos, cinco rebotes e três roubadas de bola. Bambu fez 14 pontos, e Jerônimo, 12.

No Alvinegro, Wes, outro vindo do banco, foi o cestinha do jogo com 23 pontos. Abner, bem desde o primeiro quarto, terminou com um duplo-duplo de 16 pontos e 11 rebotes. Jamaal, talvez o MVP da Liga Ouro, fez apenas 11 pontos. Rodrigo Bahia, cestinha do jogo 3, esteve abaixo, com quatro pontos e quatro rebotes. Arnaldinho anotou oito pontos.

Joinville e Botafogo alternam na liderança nos quatro quartos

Pela primeira vez, Botafogo e Joinville entraram em quadra com o jogo sendo de vida ou morte. De um lado, o time da casa não podia perder, e o Alvinegro entrou em quadra pela vitória que significava o título. Apesar da pressão dos dois lados, o quarto inicial começou muito intenso e com alto aproveitamento dos dois lados. Nos cariocas, o pivô Abner tinha oito pontos, e Socas liderava o Joinville com cinco: 19 a 15 para o Botafogo. Na segunda metade do período, Socas sentiu a coxa e deixou a quadra de maca, e o Fogão conseguiu manter a dianteira em 24 a 17.

Rodando o banco, o Alvinegro também começou melhor no segundo quarto. Roberto e Wes, juntos, tinham nove pontos, e o Botafogo seguia liderando com 28 a 26 apesar de duas bolas de três de Guilherme. Sem Socas, Vezarinho chamou a responsabilidade na armação do Joinville. Chegando a três assistências, ele achou Bambu para meter bola de fora do perímetro e empatar em 30 a 30 na metade da parcial. Os cariocas pediram tempo, e Márcio de Andrade acertou o time. Abner voltou, Jamaal colocou a bola na cesta e o líder da fase de classificação fechou o primeiro tempo com 36 a 32.

De camisa trocada, Joinville voltou incendiando com Maxwell e Vezarinho sofrendo falta antidesportiva de Roberto e Arnaldinho. Com os lances livres e as posses, a equipe virou para 40 a 38 em bola de três de André Bambu. Errando nos contra-ataques, os cariocas passaram a sofrer com o grandão Jerônimo. Com um toco e duas cravadas, ele mantinha o time da casa na liderança na metade do quarto com 48 a 43. Vindo de novo do banco, Wes fez seis pontos seguidos, e o Botafogo virou para 55 a 52 no minuto final do período. No lance derradeiro, com 0,7 segundo no relógio, Weihermann, no tapinha, trouxe para 55 a 54.

Na sexta tentativa para três pontos, Vezarinho finalmente acertou. E empatou o jogo em 59 a 59 com três minutos do último quarto. Cestinha do Botafogo, Wes seguia inspirado e chegou aos 23 pontos para virar o marcador para o Botafogo em 65 a 64 no entrar do minuto cinco. Do outro lado, os irmãos Vezaro e Vezarinho tomavam as rédeas. Em bola de três, Felipe Vezaro colocou 67 a 65 para o time do Sul. Nos três minutos decisivos, o Botafogo tinha dificuldades para chegar a cesta. Joinville também, mas liderava por 70 a 66 faltando 1min44s. Desesperado para buscar a reviravolta, o Alvinegro apostou nas bola de fora do perímetro e errou. Os donos da casa se aproveitaram colocaram 79 a 73. Nos 15 segundos derradeiros, Vezarinho fez falta antidesportiva em Jamaal, e os cariocas poderiam ter colado, mas se Jamaal acertou os lances livres, errou a bola de três, e Joinville venceu por 79 a 75, levando para o jogo 5.

Fonte: globoesporte.com.br/botafogo

 


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: