Redes Sociais

Notícias

Botafogo terá reunião na próxima segunda-feira para definir a situação de Cícero.

Publicado

em

Novo acordo com o volante está bem encaminhado e não prevê redução no valor final do contrato até 2021, mas sim valores menores nos primeiros meses e compensação futura

Ao mesmo tempo que acerta a contratação de reforços para a temporada 2020, o Comitê Executivo de Futebol do Botafogo, responsável pela pasta durante a transição para o projeto clube-empresa, tenta definir outros pontos importantes do planejamento. É o caso das situações de Cícero e Diego Souza. A permanência do primeiro está bem encaminhada, com a renovação automática até 2021. A diretoria alvinegra vai se reunir com o empresário do volante na próxima segunda-feira.

Ex-presidente e membro do comitê de futebol alvinegro, Carlos Augusto Montenegro confirmou a informação. Segundo o GloboEsporte.com apurou, o valor total do contrato por mais dois anos não será alterado, mas haverá mudança na forma de pagamento.

Resumindo: a tendência é que Cícero vai receba menos nos primeiros meses, quando o Botafogo ainda não terá o aporte dos investidores do projeto clube-empresa, e seja compensado mais para frente.

– Ainda não tá fechado. Vou estar com o procurador dele na segunda – frisou Montenegro.

Futuro de Diego segue indefinido

Já o caso de Diego Souza ainda está em aberto. Assim como Cícero, o contrato do atacante prevê renovação automática por mais dois anos, até 2021. Mas o camisa 7 recebe mais do que o companheiro, o que torna o valor total do acordo maior e, consequentemente, a situação mais complicada para o Botafogo.

Com a contratação de Pedro Raul e a busca por Felipe Vizeu, o Alvinegro dá indícios de que não conta com Diego Souza. O empresário do jogador, o mesmo de Cícero, no entanto, ainda aguarda uma posição oficial do clube, o que também deve ser tratado na reunião de segunda.

globoesporte.com


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: