Redes Sociais

Notícias

CBF lança cartilha com etapas para o retorno do futebol brasileiro

Publicado

em

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou um plano com diretrizes a serem seguidas pelos clubes para retomarem as atividades esportivas com segurança. O documento foi elaborado pela Comissão Médica Especial da entidade e segue as normas da Organização Mundial de Saúde (OMS), Ministério da Saúde, Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Médica Brasileira (AMB).

O plano será composto por cinco etapas para que os trabalhos voltem de maneira gradual: preliminar, treinamentos individuais ou em pequenos grupos, treinamentos coletivos, competições e acompanhamento. A cartilha também diz que os clubes devem ser responsáveis por medidas internas de segurança sanitária.

A primeira fase será o momento em que os clubes devem buscar fazer uma testagem em massas nos seus funcionários e de forma constante para garantir que ninguém esteja contaminado pelo coronavírus. Caso um atleta, por exemplo, teste positivo, ele deve passar por um período de isolamento social.

A segunda etapa será semelhante ao que foi visto no futebol europeu. Os treinos serão, em um primeiro momento, de forma individual e, depois, em pequenos grupos. Os profissionais devem chegar uniformizados em seus transportes particulares, não irão dividir vestiários e devem sair do trabalho diretamente para suas casas. Ao chegarem nos Centros de Treinamentos, todos passarão por teste de temperatura.

O terceiro momento, de treinos coletivos, deverão ser precedidos por um treinamento físico por não haver previsão para o retorno das atividades profissionais. Nesta fase, algumas medidas das etapas anteriores, como os testes e medidas de segurança sanitária, devem continuar sendo realizadas.

Sem previsão de jogos

A quarta fase não prevê datas para o retorno das competições organizadas pela CBF. No entanto, a cartilha diz que o calendário pode passar por ajustes por conta da pandemia do coronavírus. Apesar das competições nacionais não terem retorno confirmado, as federações estaduais estão planejando para que seus torneios voltem.

A última etapa diz que o ajuste das partidas em novas datas tenha que ser flexível, pois a tabela de jogos pode sofrer com remarcações e alterações em seu cronograma. Os clubes também devem avisar, caso haja casos positivos para Covid-19 em seu elenco.

O consenso no guia médico é de que todas as partidas serão realizadas sem público e com acesso restrito aos estádios, como é observado na Europa. A imprensa também terá um trabalho limitado e as entrevistas coletivas devem ser realizadas por videoconferência.

Fonte: Terra / Foto de Capa: Lucas Figueiredo / CBF


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: