Redes Sociais

Notícias

Cléber Machado enaltece: “O Botafogo é história pura. Parece haver um caminho para o clube”

Publicado

em

O apresentador Cléber Machado, dos canais Globo e SporTV falou sobre o Botafogo. O jornalista enalteceu a história do clube e disse acreditar em uma retomada.

– Como eu vejo o Botafogo, primeiro que é história pura. Teve 48 jogadores convocados para seleções nacionais em Copas do Mundo, 47 no Brasil e o Loco Abreu no Uruguai. Foi base da Seleção Brasileira junto com o Santos. Hoje vive o que a maioria vive. O futebol brasileiro tem gestão economicamente duvidosa. Vive na fantasia. Tem uma arrecadação que durante muito tempo foi menor do que o que foi gasto, dívida que não pode ser paga, dívidas trabalhistas são o grande terror, porque são executadas. Não dá para falar que é a pandemia, muito clube passa por dificuldade antes dela – afirmou Cléber Machado, que vê saída.

– Me parece haver um caminho. Passa por realidade muito pé no chão, ter que aguentar a torcida gritar “queremos jogador”, por estar segurando a onda para equilibrar as finanças e depois investir. Tem níveis de investimento diferentes, cada um tem que se virar com seus orçamentos. Isso inclui competência e conhecer futebol, saber onde ir contratar jogador que vai ajudar seu time e lá na frente trazer dinheiro. É um caminho para todos os clubes. É fácil? Não. É cheio de pedras, tem que desviar, mas é possível – acrescentou.

Yaya Touré, Robben e Honda

O jornalista também foi perguntado sobre a contratação de Honda e outros grandes nomes em negociação, como Yaya TouréRobben e Obi Mikel.

– Não acho ruim. São vários os aspectos de contratação assim. No lado esportivo, tem que saber a condição desse atleta, saber qual a fome dele como atleta. Como foi o Seedorf. Honda e Yaya Touré não estão entre os melhores do mundo de todos os tempos, mas podem ajudar, são bons jogadores. Mercadologicamente, parece não haver dúvida. Honda, inclusive, tem a indústria japonesa que pode dar suporte e investir em um cara como esse. Yaya Touré também. Só não pode achar que está contratando o Yaya do início da carreira. Se contratar Robben e jogar metade do que jogou na carreira, não seria um grande negócio? Vão melhorar seu time e dar visibilidade – completou.

Fonte: Redação FogãoNET


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: