Redes Sociais

Notícias

Dirigente diz que Estádio Nilton Santos “é um desafio” para o Botafogo: “Tem custo de R$ 700 mil mensais”

Publicado

em

Casa do Botafogo e orgulho da torcida, mais ainda depois que ganhou as cores alvinegras, o Estádio Nilton Santos é um desafio para o clube. A afirmação é do vice-presidente geral Carlos Eduardo Pereira.

Segundo o dirigente, o custo mensal do estádio é de R$ 700 mil mensais.

— Havia uma determinada situação quando nós assumimos, que era a expectativa de ter o Maracanã menos utilizado. Exatamente pelo crescimento exponencial do público do Flamengo, eles conseguiram dar uma dimensão de público às partidas jogadas ali que viabilizaram os custos do Maracanã. É indiscutível. É fundamental para qualquer grande estádio e eles levaram o Fluminense junto. Como o Vasco tem São Januário, o Nilton Santos ficou como estádio exclusivo do Botafogo. Aliando isso ao nosso momento, que nossas equipes não têm motivado a torcida, é difícil equilibrar – explicou Carlos Eduardo Pereira.

— Tentamos profissionalizar a gestão do estádio com duas empresas, mas ambas declinaram, porque não viram alternativa. É um estádio caro para manter, deve estar hoje na casa de R$ 700 mil por mês. Não é um estádio econômico. Quando você precisa ligar o ar-condicionado, ele não liga por setores. Às vezes, numa partida contra o Macaé, por exemplo, você vai ter 8 mil pessoas, você tem que climatizar todo o estádio. Você tem o problema das ruas do entorno do estádio. São ruas estreitas. A insegurança no Rio também pesa. O Nilton Santos é um desafio – afirmou o dirigente.

O Nilton Santos gera receitas ao Botafogo de jogosbilheteriasócio-torcedorlojatoureventos e shows. O clube busca aumentar a arrecadação no estádio, do qual tem concessão até 2031.

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do Jorge Nicola


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: