Redes Sociais

Notícias

Empresa cobra mais de R$ 8 milhões do Botafogo por multa envolvendo lateral contratado em 2012

Publicado

em

A passagem do lateral-esquerdo Lima pelo Botafogo rendeu mais um processo judicial ao clube. A empresa que fez a intermediação na contratação do jogador, em 2012, acionou a Justiça Cível cobrando mais de R$ 8,2 milhões ao clube por conta da saída do jogador em 2014 na Justiça do Trabalho devido a atrasos salariais. A informação é do “Esporte News Mundo”.

A empresa alega que, no contrato em que ficou estabelecido a compra de 30% dos direitos econômicos de Lima, estava estabelecido que o Botafogo estaria obrigado ao pagamento de uma multa compensatória, caso o jogador conseguisse se desvincular por motivo de descumprimento das obrigações.

Em maio, foi transitada em julgado a decisão da Justiça do Trabalho que reconheceu o inadimplemento contratual do Botafogo com Lima. Assim, a empresa entrou com ação na 43ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) pedindo o ressarcimento previsto em contrato.

Em razão disso, passou a ser devida pelo Executado em favor da Exequente a indenização prevista na Cláusula 5, item 5.1., do “Contrato de Parceria de Direitos Creditórios Sobre o Resultado Econômico de Futura Transferência de Atleta de Futebol”, no valor dos percentuais estabelecidos na Cláusula 1 e subitens supra – 30% para a Exequente, calculados sobre o valor da cláusula indenizatória desportiva para o exterior, no valor de R$ 25.000.000,00, estipulada no Contrato de Trabalho celebrado entre Executado e atleta na data da rescisão que, corrigido pelo INPC e acrescida de juros de 1% (um por cento) ao mês, totaliza a quantia líquida de R$ 7.521.730,00“, argumenta a empresa. Também está prevista multa de 10%.

Dentre os pedidos, a empresa quer que o juízo determine que o Botafogo pague a dívida em três dias. Caso não pague, que seja nomeado bens à penhora. Caso não haja essa nomeação, há solicitações para penhoras de valores de patrocínios, direitos de transmissão junto à Globo e premiações.

O departamento jurídico do Botafogo afirmou ao “Esporte News Mundo” não ter sido notificado ainda sobre esta nova ação. Lima atualmente defende o Al-Ahli, da Arábia Saudita, após pouco mais de três temporadas no Nantes, da França.

Fonte: Esporte News Mundo / Foto de Capa: Satiro Sodré / SSPress / BFR


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: