Redes Sociais

Notícias

Fechada há um ano e meio, piscina do Botafogo no Mourisco sofre com abandono; equipe de polo aquático é desfeita

Publicado

em

A piscina olímpica da sede do Mourisco Mar, de propriedade do Botafogo, localizada na Zona Sul do Rio, está fechada há um ano e meio e sofrendo com o abandono da diretoria. O tema foi abordado em longa reportagem veiculada nesta sexta-feira pelo RJ TV 2ª Edição, da TV Globo.

Segundo a reportagem, a piscina olímpica foi reinaugurada em 2011, apresentou infiltrações e teve de ser fechada novamente para reparos, sendo reaberta em 2012. Agora, desta vez, o Botafogo alega que teve de esvaziá-la por conta de problemas estruturais e não há previsão de reparos.

– Não se deve esvaziar uma piscina. Com a piscina cheia, a variação de temperatura é muito pequena, mesmo fazendo muito calor. Ela vazia, com uma temperatura de 40°C, o revestimento vai a 50°C, aí vem a água com 25°C e acontece o choque térmico. Vai contrair, trincar, soltar o revestimento – explicou Alvaro Vilella, engenheiro especializado em piscinas.

Fim da equipe feminina de polo

A reportagem mostrou também que, por conta da crise financeira que o clube atravessa, a equipe feminina de polo aquático do Botafogo foi desfeita. Onze ex-jogadoras do clube foram para o Tijuca Tênis Clube, por exemplo.

– A diretoria me chamou e comunicou que não teria mais condições de manter a equipe feminina. Hoje, o Botafogo não tem nem mais as escolinhas. É um desrespeito total – afirmou Ricardo Crivella, ex-técnico do Botafogo e atualmente no Tijuca.

Fonte: Redação FogãoNET e TV Globo / Foto de Capa: Reprodução – TV Globo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: