Redes Sociais

Notícias

Gallo, Garnero, Roger… Túlio revela proposta e explica contatos por novo técnico do Botafogo

Publicado

em

Ao GE, gerente de futebol detalha movimentos no mercado e procuras que o clube já fez na busca pelo substituto de Bruno Lazaroni. Dirigente também confirma conversa com Alexandre Gallo

Desde quarta-feira, a rede social ferve com especulações, sugestões e até protestos de torcedores do Botafogo, que estão na expectativa pela chegada do novo treinador. Sejam brasileiros, estrangeiros, medalhões ou da nova geração, já rodou um sem número de nomes no papo entre alvinegros, mas nenhum está acertado até agora.

Quem garante é o gerente de futebol do clube, Túlio Lustosa, que conversou com o GE. Entre todos os nomes especulados, o dirigente revelou que apenas dois haviam recebido contatos do Bota: Roger Machado (ex-Bahia) e Daniel Garnero (ex-Olimpia-PAR).

Ambos alegaram motivos pessoais para não aceitar o desafio. O brasileiro não quer trabalhar em mais de um clube por temporada, enquanto o argentino tem planos de voltar ao país natal.

– Muitos nomes surgiram, muita especulação. Teve um treinador que não fiz proposta, mas procurei, que foi o Roger Machado. Ele não quis ouvir proposta, porque não quer pegar dois trabalhos na mesma competição e o Garnero, que nós fomos atrás. Ninguém, além desses dois, tinha recebido contato oficial do Botafogo – disse.

– Fizemos muitos contatos, um deles com esse treinador estrangeiro (Garnero). Falamos com o agente dele, chegamos a falar de valores. Ele não aceitou, mas agradeceu o contato. Disse que não poderia assumir por questões pessoais. Ele tem outro projeto – completou.

No momento, o clube está no processo de escolha do novo alvo. Mais contatos foram feitos, mas Túlio não aceitou adiantar os nomes. A única certeza, garante, é sobre o perfil escolhido: alguém que reúna capacidade de liderança e experiência no futebol, seja como atleta ou como treinador, para ajudar o clube a atravessar o momento de crise.

– Nós estamos em contato com outro treinador que tem o perfil desse momento. Não posso falar muito, está em negociação. O ideal seria que o treinador já assistisse o jogo contra o Ceará, mas é complicado. Acho complicado confirmar tudo até o jogo, mas pode ser que aconteça – afirmou.

Outras respostas de Túlio:

Contato com Alexandre Gallo

– Meu WhatsApp superlotou de mensagens. O Gallo tem um conhecido no meio do futebol que me conhece. Conheci o Gallo pessoalmente na quinta a pedido dessa pessoa, que recomendou uma reunião entre a gente e ele se dispôs a vir ao Rio de Janeiro e perguntou se eu concordava em me reunir. Concordei em me reunir com o Gallo, como faria com outro treinador que quisesse conversar. Respeito muito o Gallo, mas não houve proposta em nenhum momento.

Teto salarial do novo técnico

– Ouvi esse momento, mas foi uma forma genérica de falar. Se ele me der essa liberdade, eu vou atrás do Guardiola. A gente tem responsabilidade com o orçamento, foi uma frase para mostrar que o investimento agora vale a pena dentro de uma condição razoável. Tem alguns nomes que não se enquadram.

Perfil desejado

– O perfil é esse, mas experiência não quer dizer só idade. Há técnicos jovens que têm experiência no futebol para nos ajudar e não é porque é mais velho que está ultrapassado também. Não tenho preconceito com idade, nacionalidade… O que não podemos é nos precipitar para anunciar alguém e errar. Temos que ter responsabilidade para escolher alguém competente, que nos ajude a passar na Copa do Brasil e conseguir uma boa posição no Brasileiro.

Momento eleitoral

– Ideal era até que já tivesse isso definido, pois poderíamos trazer alguém que já estivesse na próxima gestão do Botafogo para participar desse processo. Porém, está sendo feito com responsabilidade e pensando na próxima gestão. Ninguém vai cometer loucuras.

Interferência das redes sociais

– A gente sempre ouve o torcedor, mas não pode pautar nossas decisões por comentários em redes sociais. Um desrespeito divulgarem meu número numa rede social, acredito que não tenha sido nenhum botafoguense. Recebi inúmeras mensagens, até mesmo sobre nomes que não saíram da minha boca, me chamaram de mentiroso. Fiquei chateado com o vazamento do meu número pessoal, que é meu canal de comunicação no meio do futebol. Quem faz isso, trabalha contra o Botafogo. Procurei vários nomes, com excelentes trabalhos, mas que não seria viável agora.

Saída de Bruno Lazaroni

– O Bruno é um profissional que tem muita competência, conhece bem o Botafogo, ajudou nesse momento, por decisão não unânime foi retirado do cargo, mas foi convidado para continuar e poderia assumir definitivamente o cargo de treinador em outro momento. Tentamos convencê-lo a ficar, mas ele refletiu e achou melhor tentar outros voos. Acho que ele está muito preparado, gostei do trabalho dele e não tenho dúvida de que será um treinador de sucesso.

Fonte: GE / Foto de Capa: Vitor Silva – Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: