Redes Sociais

Notícias

Galvão Bueno: “A história do Botafogo não merecia essa situação. Eu sofro por isso”

Publicado

em

A semana do Botafogo é para lá de complicada. Proximidade da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro, derrota no jogo de ida contra o Cuiabá na Copa do Brasil, queda do técnico Bruno Lazaroni, indefinição sobre o projeto da S/A, recuperação judicial sendo debatida e botafoguenses ilustres como Carlos Augusto Montenegro e Felipe Neto falando sobre falência.

O narrador Galvão Bueno, no programa “Seleção SporTV”, se solidarizou com a torcida do Botafogo.

– A história do Botafogo não merecia uma situação dessas. O Montenegro está vivendo essa situação, era o presidente em 95, quando usa a expressão “o Botafogo está falido” deve estar se referindo às declarações do Felipe Neto. Quando diz está falido, as receitas estão todas penhoradas, vive pela torcida, vai enrolando aqui e ali, o duro é imaginar o futuro próximo. Vai se apequenando, se apequenando, se apequenando. Quando se fala do Santos e do Botafogo, é uma série de ídolos, história muito rica e importante.

– Eu sofro por isso. É um grande sofrimento e não vejo saída que não seja o caminho para ser cada dia menor. Torço muito que seja o contrário. Não sou torcedor do Botafogo, mas a história é muito rica, importante, grande no futebol brasileiro. É triste. Assim como o Cruzeiro. O que os dirigentes fizeram? Os caras vão lá, não têm responsabilidade nenhuma, não paga salário, não paga ninguém. O futebol brasileiro tinha que mudar radicalmente – cobrou Galvão Bueno.

Fonte: Redação FogãoNET e SporTV / Foto de Capa: Reprodução – TV Globo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: