Redes Sociais

Colunas

Ganhamos mais um jogador

Publicado

em

O ônibus do Botafogo já havia deixado o Barradão há mais de 30 minutos, quando Rodrigo Pimpão e Carli foram liberados para sair do estádio em Salvador. O atraso, por conta de exames de doping, não afastou o bom-humor do atacante. Com sorriso no rosto, ele foi embora satisfeito após marcar seu primeiro gol desde que retornou ao clube, em maio.

A primeira oportunidade como titular desde o jogo contra o Flamengo, em 16 de julho, apareceu meio de surpresa. Com dores musculares, Neilton fez teste no vestiário, sentiu e abriu brecha para Pimpão. O camisa 7 agarrou a chance e marcou o gol do triunfo por 1 a 0 sobre o Vitória.

– Foi um gol importantíssimo, ganhamos mais um jogador. Todo jogador precisa de confiança. Todo mundo precisa de confiança para trabalhar, em todos os segmentos. Ele com certeza vai ficar mais leve. Tirou aquele peso de ainda não ter feito gol. Eu torço para que ele continue fazendo gols e ajudando o Botafogo – comemorou o técnico Jair Ventura.

Rodrigo Pimpão foi decisivo na frente com um gol, mas também foi peça importante no esquema de Jair Ventura em Salvador. Durante todo o jogo, ele recuou muito para marcar pelo lado direito e ajudou conter os avanços de Diego Renan, uma das armas do Vitória. Substituído exausto aos 46 minutos da etapa final, o atacante teve o sacrifício reconhecido pelo treinador.

– O Pimpão, taticamente, é muito importante para a equipe. Ele é cara que luta, briga, se entrega. Ele fez isso durante toda a partida. Ele é um cara que se sacrifica para o time e ainda conseguiu fazer o gol. É o sonho de todo treinador ter um cara tático como o Pimpão, que cumpre funções defensivas, e ainda chega à frente para finalizar. Com certeza ganhamos mais um jogador. Ele vinha nos ajudando muito, mas sem os gols – elogiou Jair Ventura.

Fonte: globoesporte.com.br/botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: