Redes Sociais

Notícias

Gatito vê o Botafogo em “bom caminho” no Brasileiro: “Temos que pensar grande”

Publicado

em

O Botafogo tem um histórico de ídolos estrangeiros. Nos muros de General Severiano, há dois grandes exemplos: o holandês Clarence Seedorf e o uruguaio “El Loco” Abreu. Para manter viva esta tradição, na disputa do Brasileirão Assaí 2020, o Alvinegro conta com dois reforços internacionais: o marfinense Salomon Kalou e o japonês Keisuke Honda.

Os dois foram contratados durante o Campeonato Carioca e jogarão pela primeira vez o Brasileirão Assaí. No elenco do Glorioso, eles se unem a jovens promissores, como Caio Alexandre e Luis Henrique, sob o comando do experiente Paulo Autuori. O treinador, aliás, foi campeão com o Botafogo na última conquista nacional do clube, no Brasileirão de 1995.

Será um ano de adaptação para Kalou e Honda ao futebol brasileiro, mas não será a primeira vez que eles atuam em solo nacional. Ídolos em seus países, eles defenderam Costa do Marfim e Japão, respectivamente, na Copa do Mundo de 2014. Eles até mesmo se enfrentaram, pela fase de grupos, com vitória dos marfinenses por 2 a 1. Os dois foram titulares na partida e Honda marcou o gol japonês, mas saiu de campo derrotado. Eles voltarão a jogar no Brasil, mas dessa vez no mesmo time.

BOTAFOGO
Melhor campanha: Campeão
Posição no Brasileirão 2019: 15º
Presidente: Nelson Mufarrej
Estádio: Nilton Santos (Rio de Janeiro)
Mascotes: Manequinho e Biriba

Falamos com: Gatito Fernandez

– O que podemos esperar do Botafogo no Brasileirão 2020?

Com certeza, um time de muita entrega, muita luta e dedicação dentro do campo, na preparação antes dos jogos. Estamos em um bom caminho, finalizamos dois amistosos muito importantes, que nos trazem coisas boas. Acredito que estamos no caminho certo para começar o Brasileirão com o pé direito. Sabemos da importância do campeonato para o clube, para todos nós, é um campeonato que todos nós gostamos de jogar, pela qualidade de clubes que tem, pelos jogadores. Estamos no caminho certo para fazer um bom campeonato.

– Qual deve ser o maior desafio para o clube neste campeonato?

O maior desafio deve ser manter uma regularidade durante todo o campeonato, para poder aspirar coisas grandes para o clube, como a gente já vivenciou em 2017, com a classificação, quando disputamos a Copa Libertadores. Acho que a gente tem que pensar em coisas grandes, pensar nisso para que a gente possa manter um campeonato muito regular. Porque é um campeonato grande, que requer muito isso para fazer um bom ano.

– Estrangeiro há mais tempo no Botafogo, como você pode ajudar os recém-chegados a se adaptar ao Brasileirão Assaí?

Acredito que o conhecimento que tenho dos adversários, da maioria dos jogadores que vão disputar o Brasileirão. Passar informações sobre nossos adversários, sobre estádios, características de jogadores. Acho que essa pode ser minha ajuda para eles.

Fonte: Site da CBF / Foto de Capa: Vitor Silva / Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: