Redes Sociais

Notícias

Honda entra no lugar de quem? Autuori quebra a cabeça antes de estreia do meia pelo Botafogo

Publicado

em

O mais provável é que a vaga do japonês fique entre Bruno Nazário e os pontas, pois dificilmente o técnico vai sacrificar um volante para jogar com dois meias de criação

Quem sai para Keisuke Honda entrar no time do Botafogo? Uma coisa é certa: o japonês tem lugar entre os 11, mas Paulo Autuori terá que pensar bastante num esquema que facilite o jogo do meia de 33 anos. A estreia está marcada para o próximo domingo, contra o Bangu, às 16h, no Nilton Santos.

Há alguns dias, o caminho mais coerente seria a entrada de Honda na vaga do ponta pela direita, que foi divida por Luiz Fernando e Cortez nos últimos jogos. Bruno Nazário seria deslocado para o setor, onde também está acostumado a jogar, e deixaria o comando do meio para o japonês, mas a boa sequência de Luiz Fernando contra o Paraná coloca dúvidas na cabeça do treinador alvinegro.

– Espero ter a resposta nos próximos dias. Luiz Fernando fez um ótimo jogo, assim como fez na última partida. Temos o Luis pela esquerda, o Rhuan voltando… São alternativas que nós temos. Podemos até começar o jogo de uma maneira e terminar de outra. Isso é bom para mim, me permite ter soluções diferentes – disse Autuori na última terça-feira.

A decisão parecia encaminhada, mas as últimas partidas mostraram novidades que colocam dúvidas na cabeça do técnico. Principalmente por Luiz Fernando, que emplacou duas boas atuações e foi o herói da vitória de 1 a 0 sobre o Paraná. Para completar, Autuori testou novo esquema, com um volante e mais um jogador de marcação, o que aumenta as possibilidades.

Mas, a tendência é que Honda fique com a vaga de um dos pontas ou de Nazário. Com pouco tempo de trabalho e um time em construção, Autuori não sinaliza que vá abrir mão de um volante com frequência. O desenvolvimento de Honda também será levado em consideração, já que o camisa 4 chegou jogar mais recuado na Europa.

Quanto à briga para permanecer no time, Nazário sai na frente porque já foi testado no ataque pelo próprio Autuori. No jogo contra o Boavista, há duas semanas, o camisa 10 revezou na posição com o equatoriano Gabriel Cortez. Na ocasião, Autuori comentou que pensa em utilizar o meia não como ponta, e sim na função de armador pelo lado.

– Nazário, ao começarem as jogadas ofensivas, se estiver na beirada ele tem liberdade para vir para o meio. Isso tem a ver com a característica do jogador e a ideia de que se tem do jogo – avisou o treinador.

Autuori terá quatro dias para pensar na melhor manobra para a entrada de Honda. Pesa a favor da decisão o fato de que o técnico deverá poupar alguns jogadores diante do Bangu visando o jogo de volta contra o Paraná, na próxima quarta, às 19h15, em Curitiba.

Fonte: Globoesporte.com


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: