Redes Sociais

Notícias

Kanu exalta parceria com Marcelo Benevenuto e dupla vira opção para Autuori, que ainda faz testes no setor

Publicado

em

Parceira que fez sucesso na base e conquistou o Campeonato Brasileiro Sub-20 em 2016 pelo Botafogo, foi a terceira dupla de zaga testada por Autuori em quatro partidas

A vitória do Botafogo sobre o Paraná, na última terça-feira, voltou a reunir dois zagueiros que se conhecem há muito tempo. Kanu e Marcelo Benevenuto reeditaram uma parceria que fez sucesso na base alvinegra, com o título do Campeonato Brasileiro Sub-20 em 2016. Agora, a dupla virou uma opção para o técnico Paulo Autuori, que só repetiu os dois jogadores do setor uma vez desde que assumiu o cargo no meio de fevereiro.

E Kanu, titular nas últimas duas partidas, exaltou a parceria com Marcelo Benevenuto, que começou nos campos da base e se tornou uma boa amizade também fora dos campos. Para ele, esse entrosamento faz a diferença dentro das quatro linhas.

– A gente viveu o momento mais importante da base juntos. Eu tenho que falar desse cara. Eu amo estar com ele dentro de campo. Amo estar com ele fora de campo. Nossos filhos brincam juntos. O Paulo pede linha alta, marcação na pressão. Temos boa leitura para fazer essa marcação mais alta – afirmou Kanu, em coletiva, na última quinta-feira.

Nas quatro partidas que teve no comando do Botafogo, o Paulo Autuori só repetiu a dupla de zaga nos dois primeiros jogos. Contra o Náutico, pela Copa do Brasil, e Boavista, pela Taça Rio, os titulares foram Marcelo Benevenuto e Ruan Renato. Contra o Flamengo, Kanu e Carli atuaram na zaga, enquanto Marcelo foi improvisado na lateral-direita. Contra o Paraná, enfim, Kanu e Marcelo inciaram a partida, mas o camisa 3 fez uma ressalva quanto a partida contra o rubro-negro.

– (Marcelo) Não foi bem um lateral, foi mais um esquema de três zagueiros. Não importa quem estiver jogando, sei que estará bem capacitado, seja Carli, Ruan Renato… Quem o professor escolher vai dar conta do recado – exaltou Kanu, antes de completar:

– Tudo vai do posicionamento e de a gente estar equilibrado, sendo assim, qualquer formação vai dar certo. Não tem desgaste ou erro que vai comprometer.

Paulo Autuori chegou a ser questionado se pouparia os titulares na partida contra o Bangu, no próximos domingo, às 16h, pela Taça Rio, para preservar o time para o segundo jogo contra o Paraná, mas o técnico afirmou que só vai “refrescar os setores” quando tiver uma sequência maior de jogos. Ou seja, além da estreia do Honda, a partida no estádio Nilton Santos pode ser mais uma oportunidade para a dupla Kanu e Marcelo.

Fonte: Terra

Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: