Redes Sociais

Notícias

Pai de santo aposta em Botafogo rebaixado: “Vejo muita, muita energia ruim em torno do clube”

Publicado

em

Pior mandante e “Rei dos Empates” neste Campeonato Brasileiro, o Botafogo precisa urgentemente de um banho de descarrego para fazer as pazes com as vitórias e isso pode até acontecer nesta quarta-feira, às 21h30, contra o Bahia, no Estádio Nilton Santos, mas de acordo com as forças ocultas do sobrenatural, a torcida alvinegra já pode se lamentar: o clube será rebaixado. Quem garante é o babalorixá Pai Sérgio de Ogum, que previu nos búzios o que o futuro reserva para a equipe da Estrela Solitária.

Há oito rodadas sem um triunfo sequer, o último — e único — foi nos 2 a 1 sobre o Atlético Mineiro, no Rio, há mais de um mês. De lá para cá, foram dois empates e duas derrotas no estádio, pior desempenho de um mandante na série A, com cinco pontos somados, ao lado do Flamengo.

“Vejo muita negatividade, muita energia ruim em torno do clube. Não consigo enxergar algo de positivo para esse ano, tem um rebaixamento no meio do caminho, com certeza. É preciso abrir os caminhos do clube para que as coisas voltem a melhorar, mas isso somente para o ano que vem”, destacou o pai de santo, em entrevista ao “Meia Hora”.

Mergulhado em uma crise financeira sem precedentes, o Botafogo comeu o pão que o diabo amassou para colocar em dia os quase quatro meses de salários atrasados de funcionários e de jogadores. Demorou, mas o clube conseguiu. No entanto, Pai Sérgio acredita que toda essa fase ruim em campo seja reflexo de vários pensamentos ruins fora dele.

“Isso foi um problema sério (atrasos de salários). É certo que muitas pessoas, às vezes de cabeça quente por não receber e passar dificuldades, pode ter direcionado pensamentos ruins contra o clube. Por isso, essa situação de empatar tanto, não vai para a frente e nem para trás”, afirmou.

Se em 2020 o rumo do Botafogo já está traçado — pelo menos, segundo os búzios —, o babalorixá ensina uma simpatia para que o ano que vem do Alvinegro seja completamente diferente: “A pessoa pode fazer um patuá. Pega um pano branco, coloca um pouco de arroz branco, um dente de alho pequeno e uma moeda (de qualquer valor). Vai dar um nó e andar com o patuá na carteira ou no bolso durante um mês”. Muito axé para você, Botafogo!

Nota da Equipe Rádio Botafogo: Pra prever pandemia não apareceu um!

Fonte: Meia Hora / Foto de Capa: Arquivo Pessoal


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: