Redes Sociais

Colunas

Pai de Sassá agradece ao Botafogo por segunda chance dada ao filho

Publicado

em

Seu Luis Roberto esteve com outros familiares em Los Lários, na expectativa de ver seu filho titular na noite de quinta-feira. Teve que se contentar só com 17 minutos, já que Sassá entrou só no fim da goleada do Botafogo por 4 a 1 sobre a Portuguesa, pelo Campeonato Carioca. Mas ele não tem do que reclamar, pelo contrário. Tem a agradecer ao clube pela nova oportunidade dada ao atacante, que o permitiu completar 100 jogos pelo Alvinegro e ser inscrito na Libertadores.

– Eu venho acompanhando como pai, como amigo que eu sou. E fico muito agradecido pelo Botafogo ter dado essa oportunidade a ele de inscrevê-lo na Libertadores. Espero que venha realmente fazer um bom trabalho, como fez em 2016 – agradeceu.

Depois de desvios comportamentais no fim do ano passado, Sassá ficou fora da lista de inscritos na Pré-Libertadores como punição. Esteve até perto de ser negociado, mas admitiu seus erros após um puxão de orelha da diretoria e ganhou uma segunda chance. O GloboEsporte.com apurou que o técnico Jair Ventura chegou a pedir ajuda ao pai do atacante, na época em que o jovem de 23 anos estava envolvido em polêmicas. Seu Luis Roberto garante que, em casa, não foi necessário dar bronca, mas confirmou que teve uma conversa de pai para filho.

– Não (precisou puxar a orelha), nós apenas conversamos – revelou, sem entrar em detalhes.

Seu Luis Roberto falou com o GloboEsporte.com na arquibancada de Los Lários, durante a partida contra a Portuguesa, e comentou ainda sobre a renovação de contrato do filho, que termina em dezembro. O Botafogo já apresentou uma proposta em que os números iniciais não agradaram, mas as partes seguem negociando. Embora Sassá já tenha dito que a intenção é ficar, seu pai fugiu pela tangente e deixou o futuro do jovem em aberto.

Fonte: globoesporte.com.br/botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: