Redes Sociais

Colunas

Preto no Branco!

Publicado

em

Botafogo acerta pagamento de R$ 300 mil e vai assinar por dois anos com Arnaldo
Alvinegro costura acordo com empresário e, mesmo após prazo de prioridade dado clube, assegura compra de 50% dos direitos econômicos do lateral-direito. Empresário elogia postura da diretoria

novela pela lateral direita do Botafogo enfim terminou, e desta vez com final feliz. Diferentemente do desfecho do ano passado com Alemão, que foi para o Internacional, Arnaldo continuará no Alvinegro após o fim do empréstimo. O clube tinha a prioridade para comprar o jogador junto à Penapolense pagando R$ 300 mil até o fim de setembro, mas não conseguiu cumprir o prazo. No entanto, costurou acordo com o empresário Eduardo Madeira Dezem e efetuou o pagamento nesta segunda-feira.

– Já estava tudo certo, eu e o Botafogo acertamos, eles confiaram na minha palavra e da Elenko. O Arnaldo vai assinar por mais dois anos em janeiro e tenho certeza que será muito feliz. O Botafogo foi muito correto e só tenho a agradecer ao presidente, Cacá, Lopes e Jair – elogiou o agente em contato com o GloboEsporte.com.

Arnaldo chegou a General Severiano após passagem pelo Ituano, mas pertencia à Penapolense. Com a camisa alvinegra, virou titular de Jair Ventura, disputou 33 jogos e agradou diretoria e comissão técnica. Por um valor considerado barato, o Botafogo assegurou a compra de 50% dos direitos econômicos do lateral-direito, que ganhou valorização salarial e vai assinar até fim de 2019.

Assim como Alemão, Arnaldo chegou às pressas após o Botafogo perder Marcinho e Jonas gravemente lesionados. No ano passado, o ex-alvinegro foi contratado depois de Luis Rcardo romper os ligamentos do joelho e chegou emprestado pelo Bragantino. Na época, o Glorioso tinha até 31 de dezembro para oficializar a intenção de compra de 70% dos direitos econômicos por R$ 600 mil e depois 30 dias para efetuar o pagamento.

Só que não foi tão simples. Dentro do prazo de preferência, a diretoria tentou negociar primeiro um valor menor, depois um pagamento parcelado. Ambos foram recusados pelo Bragantino, e outros clubes surgiram: Fluminense e Internacional sondaram a situação. O Botafogo, então, aceitou o pagamento à vista e oficializou a intenção de compra, mas não chegou a um acordo financeiro com o lateral, que acabou se transferindo para o Colorado.

Fonte: globoesporte.globo.com

Imagem: Vitor Silva/SSPress/Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: