Redes Sociais

Notícias

TJD diz que Botafogo e Fluminense não entraram com ação e explica possíveis punições

Publicado

em

Sem mudanças nas datas de retorno do Campeonato CariocaBotafogo e Fluminense começam a se movimentar para resolver a questão na Justiça. Os clubes já admitiram publicamente que não vão jogar na próxima segunda-feira, como previsto pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ). A expectativa é que essa ação seja feita já nesta quinta-feira na tentativa de resguardar os direitos de não entrar em campo neste mês.

Em contato com o Lance, a Ferj afirmou que não falará sobre a possibilidade de uma ação na Justiça. O Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol do Rio de Janeiro, por outro lado, afirmou que Botafogo e Fluminense podem, por não cumprirem as regras e datas estipuladas, ser julgados por um artigo do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. O presidente do TJD-RJ, Marcelo Jucá, explicou que nenhum dos clubes protocolou medidas em relação ao retorno da competição.

– Em tese, a não apresentação de uma equipe em campo pode configurar a infração prevista no artigo 203 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, quando não observada uma justa causa (para a não realização da partida). Com relação ao caso concreto, tenho impedimento legal para fazer considerações sobre ele, mas posso afirmar que nenhuma medida foi protocolada no TJD/RJ até o momento e caso isso ocorra, a prestação jurisdicional será rápida, conforme tenho agido nesses quase quatro anos a frente da Presidência do Tribunal – afirmou.

Artigo fala em multa e perda de pontos

O Artigo 203 do CBJD diz respeito a “deixar de disputar, sem justa causa, partida, prova ou o equivalente na respectiva modalidade, ou dar causa à sua não realização ou à sua suspensão”. A pena pode chegar a uma multa de R$ 100,00 a R$ 100.000,00 e perda dos pontos a favor do adversário. A entidade também entende que a se infração resultar “benefício ou prejuízo a terceiro”, a equipe pode ser excluída da competição.

O Alvinegro e o Tricolor foram firmes durante toda pandemia da Covid-19 sobre aguardar a redução da curva de contaminação para voltar às atividades presenciais. Nas reuniões dos últimos dias, os clubes admitiram a possibilidade de jogar, mas pediram que fosse apenas em julho para que tivessem um tempo de preparação. Federação e as outras equipes não aceitaram. Flu e Bota ainda não retornaram aos treinos.

Botafogo volta a treinar no sábado

Botafogo tem um jogo marcado para a próxima segunda-feira, às 20h, contra a Cabofriense. A equipe comandada por Paulo Autuori, contudo, retorna às atividades presenciais somente no sábado. Com apenas dois dias de treinos, o Alvinegro se recusa a jogar na semana que vem – e em todo o mês de junho, vale ressaltar.

O clube de General Severiano recebeu os resultados dos exames de coronavírus na última terça-feira. Cinco jogadores testaram positivo para o Covid-19. Sem nomes revelados, os atletas estão assintomáticos e ficarão isolados durante esse período, passando novamente por uma quarentena.

Paulo Autuori e a sua comissão técnica pediram, ao menos, 15 dias de treinos antes de qualquer possibilidade de entrar em campo. A diretoria do Botafogo concordou com a posição dos profissionais e lutou por isso durante o Arbitral com representantes de clubes do Campeonato Carioca e a Ferj, na última terça-feira. Ainda sem indefinições, o Alvinegro se recusa a entrar em campo antes de julho.

Por ainda ter a possibilidade de se classificar para as semifinais da Taça Rio, o Botafogo promete ir à Justiça para evitar W.O. e possíveis punições futuras. No momento, contudo, a diretoria coloca a saúde de atletas e funcionários acima da questão desportiva.

Fluminense aguarda resultados nesta quinta

Da parte do Fluminense, o clube aguarda que os resultados das testagens mais conclusivas (PCR) sejam entregues nesta quinta-feira. Os jogadores já sabem o que deu nos exames rápidos, feitos na terça. Tendo isso em mãos e dependendo do número de contaminados pelo novo coronavírus, os treinos do Flu podem retornar já na sexta-feira.

Ainda assim, seriam apenas três dias antes da data marcada para a reestreia, contra o Volta Redonda. A diretoria não abrirá mão da posição de ter mais tempo para preparação após três meses de paralisação.

O lado dos rivais

Os adversários de Botafogo e Fluminense, porém, já estão treinando. A Cabofriense afirmou, ao Lance, que está seguindo a preparação para o confronto marcado para segunda-feira. Ainda não se sabe qual o cronograma para a viagem de jogadores e comissão técnica ao Rio de Janeiro e as atividades seguem em Cabo Frio.

– O clube está se preparando para o jogo. Estamos seguindo todo o protocolo “Jogo Seguro”, com atletas e comissão técnica testados, estádio sanitizado e treinos ocorrendo naturalmente. A tabela atualizada da Taça Rio foi divulgada oficialmente pela Federação e estamos fazendo a nossa parte – disse o clube.

Foram 30 exames realizados na segunda-feira e dois resultados positivos. Sete pessoas testadas estão curadas. O estádio da Cabofriense também foi sanitizado para retorno dos treinamentos na própria segunda.

No caso do Volta Redonda, que encara o Flu, o clube fez a terceira bateria de exames da Covid-19 em jogadores, comissão técnica e funcionários na terça-feira. Foram 44 testes e nenhum novo positivo. Um atleta teve o laudo inconclusivo e vai repetir o exame, mas já está em isolamento por precaução. Os treinamentos no campo retornaram nesta quarta.

– O Volta Redonda FC respeita, acima de tudo, as decisões de um colegiado. Por diversas vezes, o Voltaço viu a sua vontade, ou a de outros clubes, serem superadas por uma maioria e sempre respeitou estas decisões. Desta forma, temos a convicção que, por toda sua grandeza, o Fluminense se fará presente na partida, respeitando os demais clubes da competição e honrando os compromissos comerciais já assumidos – disse o clube em contato com a reportagem.

Fonte: Terra / Foto de Capa: Vítor Silva / Botafogo


Clique para Comentar

Copyright © 2019 Rádio Botafogo. Todos os Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: